29.8.10

A PALAVRA É RESTAURAÇÃO


"Assim diz o Senhor: Ponde-vos nos caminhos, e vede, e perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho, e andai por ele; e achareis descanso para a vossa alma; mas eles dizem: Não andaremos."(Jeremias 6:16)

Aproximadamente ao longo de 1698 anos a congregação do D'us de Yisra'el onde o cabeça é Yeshua o Ungido,  vem sofrendo alterações, desviando-a de suas raízes. Pois 312 anos após a morte e morte de cruz do Filho do Homem, um certo imperador romano chamado Constantino, após se converter ao cristianismo achou-se no direito de ser o representante da igreja do Eterno na terra, começando por interesse próprio a incluir dogmas contrários a palavra de D'us. Assim surgia uma nova religião, não baseada nas Leis e ensinamentos de D'us e seu Filho Yeshua o Ungido, mas em pensamentos de homens que por achar que essas mudanças seriam colocadas pelo Eterno em seus corações, independentemente de tudo o que antes o próprio D'us e depois seu Filho unigênito Yeshua o Ungido haviam declarado que era o caminho a ser seguido.

"Não se aparte da tua boca o livro desta Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito; porque, então, farás prosperar o teu caminho e, então, prudentemente te conduzirás." (Josué 1:8)

"Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim ab-rogar, mas cumprir. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da lei sem que tudo seja cumprido. Qualquer, pois, que violar um destes menores mandamentos e assim ensinar aos homens será chamado o menor no Reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no Reino dos céus." (Matheus 5:17-19)

Mais à frente vemos que as reformas feitas na verdadeira congregação do D'us Altíssimo pela igreja romana, foi na verdade uma mudança no paganismo, que mesmo tendo uma nova aparência continuavam com a idolatria e os costumes do mundo.

O próximo passo seria tomado por Marcião no concílio de Nicéia, onde foi afirmado que qualquer cristão que possuísse símbolos judaicos seria cúmplice da morte do Ungido, vindo assim o interesse em substituir o direito perpétuo de "Yisra'el de D'us" por Roma. E um certo Crisóstomo, para que houvesse essa substituição começou a afirmar que a igreja romana era o verdadeiro Yisra'el de D'us e consequentemente o povo judeu perdera o direito ao rejeitar o Ungido.

Em 431 é instituído o culto a Miryiam (Maria) no concílio de Éfeso, cidade da Ásia, que antes de se converter ao cristianismo, dava culto a uma entidade feminina conhecida como Diana dos efésios.

Em 454 em outro concílio o Papa Xisto IV substituiu o sábado (Shabat) pelo domingo, Lei perpétua dita pelo próprio Eterno.

"Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra, mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu D'us; não farás nenhuma obra, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; portanto, abençoou o Senhor o dia do sábado e o santificou." (Êxodo 20:8-11)

Em 503 inventam o purgatório, pois não existe na palavra do Eterno tal termo, consequentemente a missa à favor dos mortos.

Em 787 começou o culto às imagens algo abominável para D'us.

"Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor, teu D'us, sou D'us zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem e faço misericórdia em milhares aos que me amam e guardam os meus mandamentos." (Êxodo 20:4-6)

Em 830 a igreja romana começa a usar ramos e água benta, e o batismo de bebezinhos.

"E, quando os oito dias foram cumpridos para cincuncidar o menino, foi-lhe dado o nome de Yeshua, que pelo anjo lhe fora posto antes de ser concebido.
E, cumprindo-se os dias da purificação, segundo a lei de Moisés, o levaram a Jerusalém, para o apresentarem ao Senhor (segundo o que está escrito na Lei do Senhor: Todo macho primogênito será consagrado ao Senhor" (Lucas 2:21-23)

"As tuas primícias e os teus licores não retardarás; o primogênito de teus filhos me darás." (Êxodo 22:29)

No ano 933 DC começaram a inventar santos e seus cultos.

"E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. Então, disse-lhe Yeshua: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor, teu D'us, adorarás e SÓ a ele servirás." (Matheus 4:9-10)

Em 1184 começa a inquisição, todos teriam que se converter não ao cristianísmo, mas ao catolicísmo de qualquer jeito. Os padres, durante a inquisição tinham poder sobre a vida das pessoas, e se desconfiassem que alguém era da bruxaria ou da feitiçaria, eles matavam tal pessoa. O que era feito especialmente contra os judeus e os cristãos que não aceitavam o Papa, as imagens, o batismo de criancinhas, etc.

Em 1190 começa a venda de perdão em troca de dinheiro, vendia-se diploma de perdão.

"Curai os enfermos, limpai os leprosos, ressuscitai os mortos, expulsai os demônios; de graça recebestes, de graça dai." (Matheus 10:8)

Obs.: As Leis a cerca dos dízimos e ofertas, são Leis.

Em 1200 a igreja de roma tira a Ceia do Senhor e começam a fabricar hóstias, impedindo o povo de participar do vinho.

"Enquanto comiam, Yeshua tomou o pão, e, abençoando-o, o partiu, e o deu aos discípulos, e disse: Tomai, comei, isto é o meu corpo. E, tomando o cálice e dando graças, deu-lho, dizendo: Bebei dele todos. Porque isto é o meu sangue, o sangue do Novo Testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados." (Matheus 26:26-28)

No ano de 1476 o Papa Cisto IV colocou no papel que o purgatório existia.

Em 1546 eles introduziram livros apócrifos na Bíblia, é por isso que a Bíblia católica tem mais livros do que a Bíblia protestante.

Em 1846 o Papa Pio IX disse que a leitura da Bíblia é uma peste, sendo ele Papa entre 1846 e 1874.

Em 1854 a igreja romana criou o dogma da imaculada Conceição, então Miryiam (Mari)a continua virgem até hoje. Mesmo depois de ter tido cinco filhos homens e várias filhas.

"Não é este o filho do carpinteiro? E não se chama sua mãe Maria, e seus irmãos, Tiago, e José, e Simão, e Judas? E não estão entre nós todas as suas irmãs? Donde lhe veio, pois, tudo isso?" (Matheus 13:55,56)

Em 1950 o Papa Pio XII declarou através de um documento, segundo a sua "infalibilidade papal" que Miryiam (Maria) subiu ao céu, declarando que ela subiu ao céu para interceder por nós, "agora e na hora de nossa morte"

1º "Pois todos pecaram e destituídos estão da glória de D'us, sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há no Ungido Yeshua," (Romandos 2:23,24)

2º "Disse-lhe Yeshua: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por MIM." (João 14:6)

Voltando um pouco na história em 1500 anos após tanta loucura, surge Matinho Lutero sendo apoiado por príncipes da Alemanha, é dado início a uma REFORMA, como o nome já diz reformar, não RESTAURAR ou seja voltar as raízes onde tudo começou, então sendo vitorioso no seu intento foi criada a igreja protestante, felizmente acabando com tantas doutrinas impostas pelo homem (porém os homens espirituais que estão lendo esta postagem, sabem quem é o orquestrador de tais loucuras!).

Então você deve estar pensando: Afinal foi um acontecimento bom para a igreja de Cristo. Se pensar que foi dado fim a presença de Baal na casa de D'us sim, porém como foi dito antes, faltou um detalhe, não reformar mas sim RESTAURAR a igreja, voltar ao original: As Leis de D'us, as festas bíblicas, as ordens no culto, todos congregando no sábado (Shabat), as mulheres usando o véu ao orar e profetizar, os homens de cabelo curto, as mulheres sabendo a sua hora de falar, etc.

Pois enquanto estivermos vivendo ainda na reforma, o orquestrador de toda obra contrária, continuará implantando nos corações, que D'us tem falado coisas que não estão na Bíblia, fazendo do homem o menor do Reino dos Céus.

Que depois de vigiar, orar e jejuar. Yeshua o Ungido possa lhe apresentar a verdade e sua vida possa ser abençoada. Graça e Paz a todos!!!

A PALAVRA É RESTAURAÇÃO

6 comentários:

  1. graça e paz amado. Eu acredito que a reforma foi muito importante para a Igreja, sei que ainda ha muito pot fazer. Concordo que precisamor melhorar mais, talvez eu apenas discorde do irmão quanto as festas judaicas, o uso de véus e o sábado. Creio que se a Igreja deixar as heresias que tem aceitado hoje como a teologia da prosperidade, pentecostalismo e esses avivamentos duvidosos, estaremos mais próximos das origens cristãs e Deus nos guiará a isso. Fica na paz de Cristo!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Graças a Deus por esse esclarecimento uma vez que muitos recisam ouvir o que não lhes é devido saber.
    Que o Espirito Santo faça com que a verade prevaleça nas duras cerviz espalhadas pelo mundo.
    Amem!

    ResponderExcluir
  3. A palavra de Deus ainda hoje restaura a condição humana. Pela Palavra Deus faz do homem velho em pecados, homem novo. Pela Palavra Deus opera milagres e maravilhas na vida de todo aquele se dispõe a ouvi-la e cumprir os seus ditames/regras.
    Quando os homens ouvem a mensagem divina, ficam confusos, desorientados, começam a ser vitimas das interrogações muitas delas diabólicas.
    Deus tenha misericórdia de cada um de nós, do próximo também.
    Em Cristo sou,
    Joaquim Carlos

    ResponderExcluir
  4. Deus abençoe,,,E Conhecereis a Verdade e ela vos libertará... conhecendo a palavra que liberta teremos milagre... Deus abençoe... http://almirdionisio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Amado irmão a paz do Senhor,

    Já tivemos um pequeno bate-papo na UBE, e hoje estive lendo a sua postagem.

    É interessante o seu trabalho, mas penso que Lutero fez uma "reforminha"(era preciso muito, muito mais) na Igreja romana, cuja entidade religiosa, veio mudar a face do verdadeiro Cristianismo, e distanciar o evangelho da sua essência, deixada por Cristo e seguida por seus apóstolos.

    Entendo que a mudança de rumo começou com Sto Agostinho após o seu ingresso no catolicismo, (vindo de uma seita satânica chamada MANIQUEUS) ano 387, que buscou a todo custo liquidar com quem se atrevesse a se levantar contra a Igreja romana, qualificando como heresias as doutrinas dos opositores entre outras o Donatismo e o Pelagianismo.

    Com o Triunfo do Bispo de hipona, iniciou-se a degradação da Igreja de Cristo, começando com o culto a Maria, a instituição do papado e tudo mais q vc citou, porque tudo depois foi apenas consequência.

    O Evangelho precisa retornar a sua origem, aos moldes deixados pelo Senhor.

    Um forte abraço

    ResponderExcluir
  6. OBRIGADO PELO CONVITE, PASSEI POR AQUI GOSTEI MUITO DO SEU BLOG.
    DEIXO COM VOCE A PAZ DE NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO.
    FELIZ 2011.
    VISITE O MEU BLOG E SE POSSIVEL SEJA UM SEGUIDOR .SERA UMA HONRA PARA MIM.
    http://amovoceemcristo.blogspot.com/
    PAZ E BEM , DEUS ABENÇÕE E GUARDE VOCE E SUA FAMILIA.

    ResponderExcluir

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós. Graça e Paz!!!